a
O Portal do Posto de Gasolina na Internet
Notícias
Marketing
Gestão
Negócios
Advocacia
Contabilidade
Dicas
Legislação
Guia de Compras
Pesquisas
Links

 

A qualidade do lucro influenciando na decisão de investimento.

Por: Eduardo Benetti - 26/10/2004

O lucro sempre foi a base de análise de qualquer investimento. No mercado de revenda varejista de combustíveis, o valor de um posto sempre foi avaliado com base em um fator de multiplicação da galonagem mensal. Esse método era correto nos tempos de margem tabelada, mas agora não é mais. O valor do posto está diretamente relacionado com a lucratividade.

Mas como afinal avaliar o lucro?
Basta apurar o dinheiro que sobra no final de um período?

Ao tomar a decisão de adquirir um posto o cálculo da lucratividade é fator fundamental para a análise, afinal investimos para ter um retorno financeiro. Mas não basta simplesmente considerar o lucro sob a análise quantitativa: quanto deixa. Ao chegar na conclusão de quanto o posto deixa é preciso analisar os aspectos qualitativos desse lucro. Parece estranho, mas é isso mesmo. Ao analisar a qualidade do lucro você poderá mudar a sua decisão de investimento. Poderá, por exemplo, concluir que o posto é altamente lucrativo mas que se trata de um lucro inconstante e arriscado.

A conta básica de lucratividade você já conhece: RECEITAS - CUSTOS - DESPESAS .

Ao analisar a qualidade do lucro leve em consideração os seguintes aspectos:

Receitas

O que o posto vende tem ligação direta com a lucratividade. Pense se existem possibilidades reais futuras das receitas serem afetadas. Seguem alguns exemplos de como as receitas podem ser afetadas:
· Possível mudança do tráfego de veículos na região;
· Suscetibilidade com relação a sazonalidade. Períodos como férias, clima, eventos, etc. podem afetar as receitas;
· Guerra de preços no mercado local pode significar queda nas vendas ou redução de margem de lucro.

Custos

Sabemos que um posto pode ter vínculo com alguma distribuidora. Se você vai avaliar um posto com vínculo de fornecimento de combustíveis, considere no cálculo de lucratividade o combustível fornecido pela distribuidora. Comprar combustível de fora tendo contrato é ilegal. Se você vai correr risco ou não é uma decisão sua. Não é justo você pagar mais pelo posto que tenha um lucro maior com base na ilegalidade.

Despesas

Como despesas devemos considerar os seguintes aspectos qualitativos:

· Todos os funcionários estão registrados. Recebem todos os direitos como auxílio alimentação, vale-transporte, cesta básica, etc;
· Existem impostos sonegados;
· Há terceirizações de serviços sem a devida regularização.

Estes são os principais aspectos qualitativos do lucro que devem ser considerados numa decisão de compra de um posto. É comum um dono de posto vendedor justificar o preço pedido pelo negócio com base num lucro alto. Mas e a consistência desse lucro?

Lembre-se de analisar a qualidade do lucro.

 

Postos à Venda


     
 
Atenção: permitido o uso do conteúdo desde que citados a fonte e o autor, conforme o artigo 46 da Lei Nº 9.610 de 19/02/1998.